domingo, 18 de outubro de 2009

Composição efêmera

Me ocorre uma melodia
Entre Bach e Pixinguinha
Ela chega bem baixinha
E se instala onde está.

Me ocorre essa melodia
Não uma sinfonia
Entre Pixinguinha e Bach
Uma Bachiana modesta
Que presta.

Me ocorre com harmonia
Uma escala, umas notas
Agrupadas em sintonia
Nem Beethoven as faria
Vivaldi passaria lotado
Debussy mostraria enfado,
Satie interesse sutil
Tom, quem sabe, entoado
Mas Gershwin, como quem lia
As letras do irmão
Prestaria atenção.

Me ocorre essa melodia
Em piano silencioso
Em assobio ultrajante
Persistente, consentida,
E como bem me conheço
Logo será esquecida.

2 comentários:

Samuel Giacomelli disse...

Essa já comentei noutros cantos!

joao disse...

Ruy, é de uma sutileza sem igual, meus, mais que sinceros, parabéns.